14 de set de 2009

Matéria publicada na Intranet do Senac São Paulo

Integração de cursos de duas unidades do Senac simula relação entre empresário e prestador de serviço. Produtos elaborados pelos estudantes da unidade Penha são expostos em vitrines preparadas por turma da unidade Santa Cecília.

Os alunos dos cursos Empreendedor em Pequenos Negócios, do Senac Penha (PEN), e Técnicas de Exposição de Produto e Merchandising Visual, do Senac Santa Cecília (CEC), tiveram a oportunidade de aliar seus conhecimentos em uma experiência inovadora. Os materiais desenvolvidos pelo primeiro grupo ganharam apresentações diferenciadas criadas pelo segundo, um exemplo de que, unindo esforços e competências, o trabalho ganha qualidade.
A iniciativa partiu dos docentes Mauro Vieira da Silva, que atua tanto na Penha quanto em Santa Cecília, e José Alves de Oliveira Filho, da CEC. Ao conversarem sobre os conteúdos dos programas, eles tiveram a ideia de integrar os estudantes para aprimorar aspectos relacionados à profissão. "Os participantes do Empreender em Pequenos Negócios necessitavam melhorar a forma de expor suas mercadorias, e os integrantes do outro curso precisavam aprender a montar vitrines com base em um tema. Portanto, a atividade seria proveitosa para todos", conta Mauro.
Vitrine criada com vasos para bonsai produzidos pelo aluno Elvis Nunes
Segundo José, o resultado foi muito satisfatório. "Eles puderam discutir e reconhecer a importância da conexão entre prestador de serviço e empresário na troca de informações que viabilizam a venda, a valorização da imagem e o conceito da marca perante o consumidor", conta. Ele acredita que a experiência enriqueceu a assimilação dos cursos e o desenvolvimento das competências propostas. Vitrine criada com bijouterias produzidas pela aluna Ivanice Galvão

A dinâmica de trabalho: Os alunos da PEN foram até a CEC e mostraram fotos de seus produtos, explicando também a concepção e o público-alvo. Com essas informações, a turma do merchandising preparou um projeto de apresentação visual agregando valor aos itens. O trabalho foi realizado no início deste semestre e, no último encontro dos estudantes, as vitrines foram montadas. "Fiquei muito orgulhoso ao ver meu produto exposto. Parece que ele ganhou uma beleza que nem eu enxergava", comenta Elvis Nunes, estudante do Empreender em Pequenos Negócios e produtor de vasos em cerâmica para bonsai.